Simples mudanças de hábitos podem ajudar a garantir uma noite sequinha; confira algumas dicas

Lençol molhado outra vez, mamãe? O xixi na cama é um ato involuntário da criança com enurese noturna, distúrbio que precisa de muito diálogo, paciência e tratamento adequado para ser vencido.

Confira a seguir algumas dicas que podem ajudar a garantir noites sequinhas. E lembre-se: é importante não deixar de procurar um especialista se os episódios de xixi persistirem após os cinco anos; e assim que perceber que o hábito de molhar os lençóis durante o sono está interferindo o dia a dia e bem-estar do seu filho.

– Procure fontes confiáveis e não perca tempo com tratamentos alternativos sem qualquer comprovação científica.

– Não compense a má alimentação da criança durante o dia com mamadeira ou copo de leite à noite, que aumenta o volume de líquido filtrado pelo rim; se necessário, diminua a ingestão de sucos e sopas à noite.

– A suposta sede da criança antes de dormir pode ser evitada se ela se acostumar a tomar mais líquido durante o dia, de forma distribuída.

– Esvazie a bexiga da criança antes do sono.

– Retire a fralda para desacostumar a criança do “conforto” de urinar na cama.

Evite levar a criança, durante o sono, para o banheiro. Além de interferir na tranquilidade do sono, dormindo a criança não vai aprender a desenvolver o reflexo de que deve acordar antes de fazer xixi na cama.

Fonte: Dr. Abram Topczewski – Neurologista da Infância e Adolescência do Einstein e co-autor do livro “Xixi na cama nunca mais!”, publicado em http://www.einstein.br